FIVEL 2019 apresenta mais de 60 novos produtos de base tecnológica

Em sua 15º edição, a tradicional feira industrial de Santa Rita do Sapucaí, no Sul de Minas Gerais, apresentou as últimas novidades em tecnologia e inovação para indústria e serviços. Internet das coisas, tecnologia em segurança, economia criativa e sustentabilidade foram destaques na edição de 2019

Aconteceu entre os dias 20 a 22 de agosto a 15ª Feira Industrial do Vale da Eletrônica (FIVEL). O evento chegou no ano de 2019 com o lançamento de mais de 60 novos produtos de base tecnológica, o que impulsionará o Vale da Eletrônica a obter um faturamento próximo a 1 bilhão de reais para os próximos 18 meses.

Organizada pelo Sindicato das Indústrias de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos e Similares do Vale da Eletrônica (SINDVEL), a feira está entre as mais importantes rodadas de negócios da indústria de base tecnológica no Brasil, com grande capacidade de influenciar dezenas de setores que dependem de plataformas tecnológicas para seguirem competitivos.

Durante a cerimônia de abertura, o presidente do SINDVEL, Roberto de Souza Pinto, salientou que o ambiente colaborativo e a Tríple Hélice: sinergia entre governo, indústria e academia estimulam a inovação e trazem um movimento de vanguarda tecnológica ao município. “Cada empresa depende da outra para sobreviver e gerar negócios, por isso as empresas de Santa Rita do Sapucaí estão sempre um passo à frente e se mantêm competitivas mesmo em momentos de baixa atividade econômica”.

Este ano foram 72 stands, representando as 153 indústrias do vale da eletrônica, com previsão de faturamento de 3,5 bilhões para 2020. Um momento ímpar para a troca de experiências, ampliação da rede de contatos e fechamento de negócios, a Feira Industrial do Vale da Eletrônica – FIVEL é, hoje, a maior feira regional de eletroeletrônicos do Brasil

Espaço de credenciamento dos visitantes na FIVEL 2019. Foto: ASCOM SINDVEL

A edição de 2019 da FIVEL aconteceu nas dependências da Escola Técnica de Eletrônica, e foi, sem dúvidas, uma ótima plataforma de relacionamento e negócios, de encontro de empresários, compradores, investidores e redes de revendas para conhecer os mais recentes lançamentos, as inovações tecnológicas e o parque industrial do vale da eletrônica. No dia 21 de agosto (segundo dia da feira) a FIVEL, com o apoio da FIEMG e do SEBRAE, realizou uma rodada de negócios entre as empresas expositoras e as principais empresas do estado de Minas Gerais convidadas com exclusividade. As empresas convidadas foram: Cooperativa Central dos Produtores Rurais de Minas Gerais Ltda, USIMINAS, Rio Branco Alimentos, GERDAU ACOMINAS, Ideal Antenas, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social e CNH Industrial Brasil.

Espaço da Rodada de Negócios na FIVEL 2019. Foto: ASCOM SINDVEL

Internet das coisas

Os destaques da feira em 2019 apontaram para as tendências da indústria de alta tecnologia e deram um vislumbre de como o sistema produtivo do país pode se reorganizar, tirando proveito de ferramentas como dados compartilhados em nuvem, realidade aumentada e internet das coisas.

Sustentabilidade

Em sintonia com um mundo cada vez mais preocupado com o meio ambiente, a 15ª FIVEL trouxe inovações em produtos para aplicação no campo, indústria e residências de baixo impacto, extraídos de fontes renováveis e com possibilidade de aceleração de sua biodegradabilidade. Há ainda equipamentos e softwares de gerenciamento de energia para máxima eficiência de consumo, também com aplicação industrial e residencial.

Tecnologia em segurança

Setor que tem ganhado peso nos últimos anos, a segurança patrimonial, de cargas e valores foi outro destaque da Fivel. Nos estandes da feira, estiveram expostas as tecnologias de rastreamento e logística, alarmes e as tornozeleiras eletrônicas, que abrem novas possibilidades para o sistema prisional brasileiro.
Para o presidente do Sindvel Roberto de Souza Pinto, a sinergia existente no Vale da Eletrônica fez da feira um celeiro de novidades e tendências que influenciam e ajudam a moldar a cadeia econômica e produtiva de alta tecnologia. “Possuímos um Arranjo Produtivo Local reconhecido nacional e internacionalmente pela alta qualidade dos produtos, modernos processos produtivos, mão de obra especializada e um forte sistema de cooperação, que permite às empresas evoluir em conjunto, e esta evolução é representada através da FIVEL, que reúne todas as empresas para apresentar ao mundo sua inteligência competitiva, criatividade e inovação tecnológica”, conclui

Cerimônia de corte da faixa e inauguração da 15ª Feira Industrial do Vale da Eletrônica. Da esquerda para a direita: diretor presidente do INDI, Thiago Toscano, Presidente do Sistema FIEMG, Flávio Roscoe Nogueira, Presidente do SINDVEL e Associação Industrial, Roberto de Souza Pinto, Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Minas Gerais, Victor Becho, Presidente do BDMG, Sérgio Gusmão Suchodolski, Prefeito de Santa Rita do Sapucaí, Prof. Wander Wilson Chaves, General do Exército Brasileiro, Rômulo Bini Pereira, Diretor Presidente da PRODENGE, Rodrigo Antônio de Paiva e Diretor de Operações do SEBRAE-MG, Marden Márcio Magalhães.

Além do presidente do SINDVEL, a feira contou com a participação do prefeito de Santa Rita do Sapucaí, Prof. Wander Wilson Chaves; do Diretor de Operações do SEBRAE MINAS, Marden Márcio Magalhães; do presidente do Sistema FIEMG, Flávio Roscoe Nogueira; Presidente do BDMG, Sérgio Gusmão Suchodolski; e do Subsecretário de Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, Vitor Becho, do diretor do Instituto Nacional de Telecomunicações, Prof. Carlos Nazareth Motta Martins; diretor da FAI – Centro de Ensino Superior em Gestão, Tecnologia e Educação, Alexandre Franco de Magalhães; Coordenador de Ensino Técnico da ETE, Eduardo Abranches Silva, vereadores do município, presidentes de demais sindicatos, autoridades locais e estaduais.

A FIVEL é uma realização do SINDVEL e Associação Industrial de Santa Rita do Sapucaí. Neste ano a feira contou com o apoio da FIEMG, SEBRAE, ETE – Escola Técnica de Eletrônica “FMC”, Revista IPESI, Cidade Criativa Cidade Feliz e Prefeitura Municipal.

MATÉRIA VEICULADA NO JORNAL VALE DA ELETRÔNICA!