Inatel vence Etapa Sudeste do Prêmio Finep de Inovação 2012

O Inatel foi o grande vencedor do Prêmio Finep de Inovação 2012 – Região Sudeste – na categoria Instituição de Ciência e Tecnologia (ICT). O anúncio foi feito na noite desta quinta-feira, dia 8 de novembro, na sede da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais – Fiemg, em Belo Horizonte.

Concorreram na categoria ICT a Gerência de Sistemas e Tecnologias Ópticas da Diretoria de Redes Convergentes do CPqD, que ficou em terceiro lugar, a Fundação Valeparaibana de Ensino (Univap), que ficou em segundo lugar, e o Inatel, que levou a primeira colocação e um prêmio de R$ 200 mil, novidade este ano.

O Prêmio FINEP é o mais importante instrumento de estímulo e reconhecimento à inovação no país. Desde 1998, já premiou mais de 500 empresas, instituições e pessoas físicas. Em sua 15ª edição, foram inscritos 588 projetos em todo o país, um aumento de 56% em relação a 2011. A região Sudeste teve 194 inscritos, sendo 105 de São Paulo, 48 de Minas Gerais, 35 do Rio de Janeiro e seis do Espírito Santo. Os vencedores das etapas regionais disputam a final nacional, em data ainda a ser confirmada.

Estiveram no evento representando o Inatel o diretor, professor Marcelo de Oliveira Marques, o vice-diretor, professor Carlos Nazareth Motta Marins, o pró-diretor de Desenvolvimento de Tecnologias e Inovação, Carlos Augusto Rocha, e Paloma Rufino Marins, do Desenvolvimento de Negócios do Inatel Competence Center (ICC).

O prêmio foi entregue ao diretor do Inatel pelo secretário-adjunto de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais, Evaldo Vilela. Em seu discurso, Marcelo Marques, agradeceu a toda a comunidade do Inatel, que entende que o papel de uma Instituição de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior é o de transformar a realidade. “Há 47 anos o Inatel vem fazendo isso. Todo ano, colocamos cerca de 300 engenheiros no mercado. Graduamos, todo ano, de três a quatro empresas de base tecnológica para alimentar o Vale da Eletrônica. Todo ano, desenvolvemos de 40 a 50 parcerias com empresas e instituições de ensino do Brasil e do mundo. Todo ano, de 70 a 80 projetos inovadores são colocados no mercado. Todo ano, atendemos a mais de 200 crianças em nosso programa social e muito mais. Esse é um time vencedor”, disse o diretor do Inatel, que agradeceu também os apoios da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), da Finep e do BNDES.